As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Jovens carentes têm aula de música com professores dos EUA

Redação

15 Junho 2010 | 18h25

Jovens atendidos pelo programa de educação musical Guri Santa Marcelina, da secretaria estadual da Cultura de São Paulo, estão tendo aulas com professores da renomada escola de música americana Juilliard School, de Nova York.

As atividades começaram no dia 9 e seguem até o dia 23. Neste sábado, 19, os alunos fazem uma apresentação junto com os professores no CEU São Rafael, na zona leste da capital, às 15h30. O centro fica na Rua Cinira Polônio, n.º 100.

O programa Guri atende cerca de 7.500 crianças e adolescentes com idades entre 6 e 18 anos em 20 polos de ensino espalhados em regiões periféricas da região metropolitana de São Paulo.

Foram escolhidos 500 jovens para participar das aulas com os músicos da Juilliard. Quatro alunos de mestrado na escola americana estão em São Paulo conduzindo masterclasses, workshops e apresentações para grupos infanto-juvenis e professores do programa.

O grupo da Juilliard conta com professores de violino, viola, violoncelo e violão, além da coordenadora da escola, a violoncelista Claire Bryant.

O projeto nasceu de visitas técnicas aos EUA patrocinadas pelo Departamento de Estado americano. Representantes da secretaria da Cultura e da organização social Santa Marcelina Cultura, que gere o programa de educação musical, estiveram em Nova York no fim do ano passado.

A partir desse primeiro contato, o vice-presidente para Estratégias Artísticas da Juilliard School, Christopher Mossey, veio a São Paulo em março deste ano para dar forma ao projeto de treinamento. A escola americana e o Guri também estão discutindo a realização de intercâmbio de alunos.

Mais conteúdo sobre:

músicamúsica