1. Usuário
Assine o Estadão
assine

  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Instituto da Unesp abre inscrições para curso de chinês em São Paulo

Redação Estadão.edu

02 fevereiro 2016 | 14:53

Interessados devem se matricular até o dia 29 de fevereiro; aulas começam no dia 20 e ocorrem no câmpus do Ipiranga

SÃO PAULO – Estão abertas as inscrições para os cursos de língua chinesa oferecidos pelo Instituto Confúcio, uma parceria entre a Universidade Estadual Paulista (Unesp) e a Universidade de Hubei. As inscrições para as turmas do primeiro semestre de 2016 ficarão abertas até 29 de fevereiro, e as aulas terão início no dia 20 – não há limite de vagas.

As matrículas devem ser feitas no site do Instituto Confúcio, pelo e-mail secretaria@institutoconfucio.unesp.br ou pelo telefone (11) 2066-5950.

Alunos do Básico I no câmpus Ipiranga da Unesp (Foto: Divulgação)

Alunos do Básico I no câmpus Ipiranga da Unesp (Foto: Divulgação)

As aulas serão ministradas na sede do Instituto Confúcio, dentro do câmpus universitário da Unesp no Ipiranga, zona sul da capital paulista.

O curso é aberto para o público em geral e custa cinco parcelas de R$ 120,00 por semestre. O Confúcio afirma que não tem fins lucrativos e que as taxas cobradas visam apenas à manutenção do projeto. O instituto oferece descontos progressivos a alunos que indicam amigos.

Há vagas gratuitas para estudantes da rede pública estadual e municipal a partir de 12 anos, incluindo alunos da Educação para Jovens e Adultos (EJA).

7 sites gratuitos para aprender idiomas sem sair de casa
REUTERS
Francês na TV5

É preciso saber outro idioma, como inglês ou espanhol, para aproveitar as aulas gratuitas do site da emissora francesa. Site: apprendre.tv5monde.com

O instituto tem, entre a capital e as diversas cidades do interior de São Paulo onde a Unesp mantém unidades de ensino, um total de 24 professores chineses enviados pela Universidade de Hubei, da cidade de Wuhan, todos com formação em ensino da língua chinesa para estrangeiros.

Estrutura do curso. O curso consiste em três horas de aulas por semana. É organizado em módulos semestrais de 50 horas e oferece diversas opções de horário, incluindo sábados. A ênfase é na conversação, dirigida para aspectos práticos do dia a dia, mas o aluno também aprende desde o início a leitura e a escrita dos ideogramas.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.