As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Fundação Botín recebe inscrições para bolsa de estudos na Espanha e nos EUA

Redação

15 Março 2011 | 14h59

A Fundação Botín abriu ontem o processo seletivo para a segunda edição de seu Programa para o Fortalecimento da Função Pública na América Latina, que vai conceder 40 bolsas de estudos para universitários de nove países latino-americanos.

O programa pretende contribuir para o desenvolvimento local através da melhor capacitação dos servidores públicos e prestigiar o exercício da função pública, dois dos principais objetivos da Fundação Botín.

Todos os selecionados vão receber um certificado de participação e grau de aproveitamento do curso outorgado pela Brown University de Rhode Island (EUA), uma das sete universidades mais antigas, membro da Ivy League e um dos principais centros de estudos ibero-americanos do país, que também colabora no desenho dos conteúdos acadêmicos passados aos bolsistas.

Para participar, os estudantes precisam ser apresentados pelos reitores de suas universidades. Cada reitor pode inscrever até três candidatos entre os alunos que tenham inclinação para o serviço público. O prazo de inscrições termina dia 13 de maio.

Os 40 universitários selecionados entre os inscritos vão participar de um curso intensivo de oito semanas, com as despesas de matrícula, viagem e estadia pagas.

Na edição passada, participaram 73 universidades e 170 candidatos do Brasil. Dos selecionados, 10 eram brasileiros.

Acesse este site para mais informações.