As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Evento em SP debate ensino do Holocausto nas escolas

Redação Estadão.edu

26 Julho 2013 | 17h15

O Memorial da América Latina, na zona oeste de São Paulo, recebe neste sábado, dia 27, a 25ª Jornada sobre o Ensino do Holocausto nas salas de aula. A programação segue das 9h às 17h30.

Cerca de 1,3 mil educadores estão inscritos, sendo a maioria da rede municipal de ensino fundamental e médio. Para este ano, o tema escolhido foi Holocausto: Direito à Verdade – Direito à Memória. “Acreditamos que, através desta abordagem, podemos reavaliar situações inerentes a sociedade brasileira onde persiste a intolerância, a violência e o racismo”, explica a professora Maria Luiza Tucci Carneiro, Coordenadora do Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação (Leer), da Universidade de São Paulo (USP).

Além do Leer, participam da organização da Jornada o Instituto Shoah de Direitos Humanos, B’nai B’rith, e a Secretaria Municipal de Educação. A proposta do encontro é de uma visita à historia: “Recordar e ajudar a recordar é um dever de todas as gerações: um exercício permanente de responsabilidade pessoal e social, pois não podemos prescindir da “memória histórica”. No entanto, muitos são aqueles que estão interessados em negar, não apenas o Holocausto, mas também o genocídio armênio e outros genocídios praticados por regimes totalitários e ditatoriais. Entre os países que vivenciaram momentos de ditadura está o Brasil que, ainda hoje, vive uma democracia frágil e com dificuldades”, descreve trecho da proposta da jornada.

Serviço:
Auditório Simon Bolívar
Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664
Barra Funda – São Paulo, SP
Informações: B’nai B’rith – Instituto Shoah de Direitos Humanos
E-mails: brasil@bnai-brith.org.br / leer@usp.br
Fones: (55 11) 3082-58

PROGRAMA

8h
Credenciamento dos inscritos, entrega do material didático, listas de presença e abertura das exposições temáticas: “Sublime: A Arte dos Sobreviventes do Holocausto” (UNIBES) “Projeto Memorial do Holocausto”(Colégio Cristão Rhema e Escola Verbo Divino)

9h – 9h40
Instalação da mesa de abertura com a participação de autoridades e representantes das entidades parceiras.

9h45 – 10h
Introdução ao tema dos Direitos Humanos e o Holocausto, por Luiz Carlos Fabbri (ISDH)

10h – 10h30
Holocausto: Verdade, Memória e Negacionismo, por Maria Luiza Tucci Carneiro Arqshoah/LEER USP; ISDH).

10h30 – 10h40
Filme Jai (Vida), de Ariel Zylberztejn. Produção Memória Y Tolerância & Crinson, 2004.

10h40 – 11h15
Intervalo para café

11h15 – 11h45
Do processo de desumanização à “Solução Final” (1933-1945), por Ania Cavalcante (Arqshoah/LEER‐USP)

11h45 – 12h10
Fragmento do Filme: Escritores da liberdade (Freedom Writers), dublado, com Hilary Swank. Alemanha/EUA.

12h20 – 13h50
Intervalo para almoço (no local)

14h – 14h15
Mesa Coordenada: Direito à Memória, por Rachel Mizrahi (ARQS/LEER‐USP)

14h15 – 14h45
História e Memória de um sobrevivente do Holocausto: testemunho de Tomas Venetianer (1937)

14h45 – 15h00
Debate/Perguntas

14h45 – 15h15
O extermínio dos ciganos durante nazismo: direito à história; direito à memória, por Marcos Toyansky (LEER/USP)

15h15 – 15h45
Revisionismo do Holocausto no cinema, Luiz Nazario (UFMG)

15h45 – 16h30
Experiências aplicadas nas salas de aula (grupo de Porto Alegre e Heloisa, com os alunos)

16h30 – 16h40
Concurso de Redações: edital, tema e orientação aos educadores

16h40 – 17h
Apresentação musical com a cantora Evelyn Helman. Direção Leslie Marko.

17h
ATO DE ENCERRAMENTO