As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Eu só fico calma ao lado da minha mãe e do namorado’

Redação Estadão.edu

03 Novembro 2012 | 12h18

* Por Davi Lira, de O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO – A estudante Bruna Ribeiro, de 18 anos, da Escola Estadual Gonçalves Dias, diz que a companhia da mãe e do namorado é fundamental antes de entrar na sala da prova. A jovem está fazendo o Enem na Uninove da Barra Funda e, além de trazer a companhia do namorado, Thauan Ricardo, de 20, trouxe ainda quatro barras de chocolate e quatro de cereal.

“Eu realmente sou uma chocólatra, e só consigo ter calma com chocolate e com o namorado e minha mãe juntos”, diz. Bruna pretende utilizar o Enem para entrar nas Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) ou na Anhembi-Morumbi, com bolsa do ProUni, no curso de Arquitetura. Indagada sobre a possibilidade de fazer o curso em outro Estado, em alguma universidade federal, Bruna nem sequer cogitou responder à hipótese.  “Não é nem por mim que ela possa estudar longe, mas por esse namoro que já dura um ano”, afirma a mãe da estudante, Nancy Ribeiro, de 57.