As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Estudante perde prova e culpa e-mail com horário errado

Redação Estadão.edu

25 Novembro 2012 | 13h48

* Por Ricardo Brandt

CAMPINAS – Com cinco minutos de atraso, o estudante Rafael Marson, de 19 anos, perdeu a primeira fase da Fuvest. Morador de Vinhedo, ele chegou ao Colégio Liceu, em Campinas, quando os portões já estavam fechados. Rafael atribuiu a um e-mail equivocado o seu atraso.

“Recebi um e-mail informando que a prova começaria às 13h30. Pensei que os portões iam ficar abertos até mais tarde”, disse o estudante, ao lado da mãe.

Candidato a uma vaga no curso de Direito, Rafael afirmou que a USP era prioridade entre os demais vestibulares que prestou.

“Agora só no ano que vem”, disse o estudante, resignado, ainda com o lápis, a borracha e uma régua na mão.