As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Candidatos acham difícil questão sobre “Capitães de areia”

Redação

09 Janeiro 2011 | 16h11

Uma pergunta sobre o livro “Capitães de areia” foi uma das mais difíceis deste primeiro dia de provas da segunda fase da Fuvest, segundo candidatos ouvidos pelo Estadão.edu na Faculdade de Educação da USP.

Para Rodrigo Capobianco, de 26 anos, vestibulando de Ciências Sociais,  a questão era tão difícil que ele não conseguiu responder nada. “Não deu nem para enrolar disse”. De acordo com o candidato, a pergunta pedia as relações de preconceito das quais Jorge Amado tratava na obra.

Para Mauro Moura, de16 anos, treineiro de Humanas, a questão também foi difícil. “Pediam um nível muito grande de detalhamento”, disse.

Já o tema da redação, que falava em altruísmo, foi alvo de críticas por parte da candidata Carolina Giacomo. 23 anos, vestibulanda de Letras. “Achei o tema deprimente: muito fácil, muito simples e óbvio”, disse.

(Felipe Mortara, de São Paulo)

Mais conteúdo sobre:

candidatosCapitães de areiafuvest