As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Candidato que se atrasou teme contar para os pais que perdeu a prova

Redação

10 Janeiro 2011 | 13h25

Na Faculdade de Educação da USP, um dos locais de aplicação das provas da 2ª fase da Fuvest, os portões fecharam, nesta segunda-feira, às 13h05. O horário correto para o fechamento era Às 13h, conforme o edital. Até 13h15, apenas um candidato havia perdido a prova por atraso.

Vittório Rossi, de 18 anos, candidato de Economia, aluno do Rio Branco chegou às 13h12. Entrou calmamente no complexo de prédios e foi até a porta insistir para que abrissem.  O estudante mora no Real Parque e foi de táxi até o local. “A corrida demorou 40 minutos e o taxista se perdeu dentro da USP”, contou.

Contudo, o candidato passou na ESPM e na Anhembi Morumbi para Design, mas queria mesmo a USP.  “Achei que tinha ido bem ontem”, disse. “O pior agora é contar para os meus pais, eles só chegam em casa às 18h, mas ainda não sei como vou justificar. Como sempre, vão dizer que a culpa é minha”.

(Carlos Lordelo, de São Paulo)

Mais conteúdo sobre:

atrasofuvestportões