O quê você precisa saber antes de começar um cursinho pré-vestibular

O quê você precisa saber antes de começar um cursinho pré-vestibular

Oficina do Estudante

06 Abril 2018 | 12h33


cursinho pré-vestibular é uma ponte que conecta os jovens que estão saindo do ensino médio para o ensino superior. É extremamente importante, pois possibilita ao aluno desenvolver as matérias que não foram bem assimiladas até então e potencializar as que já se domina.

Todo esse empenho irá refletir na nota do vestibular, permitindo que ele conquiste uma vaga para o tão sonhado curso que escolheu. Se você pretende entrar em um cursinho, existem algumas coisas que você precisa saber antes. Veja quais são elas!

Localização do cursinho Pré-vestibular:

Uma coisa valiosa nessa fase é o tempo, não é mesmo?  Você já deve ter percebido que administrá-lo melhor faz toda diferença no rendimento dos estudos.

Em razão disso, não dá para perder horas com deslocamento por causa do trânsito ou da distância do cursinho pré-vestibular. Além de você se sentir menos motivado, o tempo que você leva para ir e voltar pode ser crucial para o seu bom rendimento.

Por isso, pesquise antes quanto tempo gastará em média no percurso, se o trânsito é tranquilo e se o transporte público da região é funcional. Opte por uma instituição de fácil acesso, que você possa ir caminhando, de bicicleta, de ônibus ou de carona com seus pais. Afinal, nosso tempo é um investimento que deve ser bem aplicado.

Estrutura do cursinho:

Não deixe de checar a estrutura do cursinho. Uma boa instituição é voltada para as necessidades dos estudantes, possuindo salas preparadas para estudos individuais, em grupo, equipamentos tecnológicos de suporte às aulas, refeitório amplo e demais espaços que estejam sintonizados com a realidade dos vestibulandos. Tudo isso cria uma atmosfera agradável e estimulante que contribui para o processo de aprendizagem.

Mas, não para por aí. Analise também a equipe de professores, pois eles são uma peça importante para o seu sucesso. Invista em um cursinho que tenha profissionais da educação com boa formação, especialização, mestrado, doutorado, entre outros. Com vasta experiência e dos quais sejam referência na área.

Carga Horária:

A carga horária semanal das aulas tem relevância, porque o tempo gasto na sala de aula dita grande parte do seu ritmo de estudos (a outra parte é complementada em casa). Portanto, o ideal é saber se o cronograma das aulas é compatível com o grau de dificuldade da universidade e do curso que irá disputar. Por exemplo, para turmas de medicina, o ideal são 36 aulas semanais.

Confira quanto em média de aulas você precisa para se preparar bem para o vestibular, se as aulas são de segunda a sexta e se aos sábados você tem oficinas, palestras e aulas extras para fixação do conteúdo.  Tudo isso faz diferença durante para o aprofundamento do aprendizado e fixação.

Material de acompanhamento:

O material de acompanhamento vai te orientar na sua rotina de estudos e auxiliará na expansão do que aprendeu na sala de aula. Então se você vai seguir esse guia, ele precisa ser um ótimo guia.

Se atente ao conteúdo do material de acompanhamento oferecido pelo cursinho pré-vestibular que deseja integrar-se.

Geralmente um bom material de apoio possui cadernos de atividades com exercícios que serão desenvolvidos em sala e com aprofundamento do que foi ensinado, e também livros que devem abranger todo o programa do Ensino Médio, abordando os temas de forma clara, completa e dinâmica.

O material precisa ter uma proposta pedagógica eficaz que ajuda ao aluno estar ainda mais comprometido com seus estudos.

Simulados

Não basta estudar uma ou duas vezes para ter uma nota que garanta sua entrada na universidade. É necessário ler, reler e fazer muitas atividades em cima dos conteúdos ensinados. Aprofundar o conhecimento das disciplinas e praticar é o segredo para se sair bem nas provas.

É nítido que a exposição dessas práticas fazem o aluno evoluir expressivamente. Ele é capaz de descobrir quais são suas fragilidades e acompanhar sua superação, o que, inclusive, é muito motivador.

Dessa maneira, os simulados são cruciais para que você consiga fixar todas essas informações que recebe de forma mais eficiente. Fique de olho se o cursinho promove com frequência.

Com todas essas informações você terá uma noção de qual cursinho pré-vestibular é mais apto para te ajudar a conquistar sua vaga na universidade dos seus sonhos.

A Oficina do Estudante é uma instituição de alto nível que prepara seus alunos desde o fundamental até o cursinho pré-vestibular.

Entre em contato e tire suas dúvidas ou marque uma visita e confira de perto a superestrutura, metodologia e o perfil peculiar dessa equipe que cuida com tanto carinho de seus alunos.

Venha fazer parte da lista de aprovados da Oficina!