Procurando emprego
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Procurando emprego

Claudia Gonçalves

30 Setembro 2014 | 10h33

 

Emprego pós MBA

 

A busca por uma posição pós-MBA pode e deve começar cedo. Independentemente de se estar cursando um MBA de um ano ou dois, já nos primeiros meses é fundamental começar a investida no Mercado.

Embora cansado da verdadeira maratona que é balancear trabalho, vida pessoal (esqueceu que tem uma?) e estudos e preparação para aplicar para o MBA, não haverá muito tempo para relaxar e aproveitar. Exceto para aqueles que voltarão aos seus empregadores pré-MBA. Mas eu diria que mesmo estes devem seguir algumas dicas para que tenham projetos interessantes pós-MBA – corre-se o risco de voltar após 2 anos e sua cadeira estar ocupada, ou terem dificuldade em lhe alocar em uma posição condizente com seu apetite e suas capacidades.

Mantenha-se conectado com seus antigos empregadores e colegas
Deixe seus colegas e chefe com uma impressão positiva a seu respeito. Mostre-se grato pela experiência que teve com eles  deixe claro que está saindo para se desenvolver. Mesmo que  tiver certeza de que não vai mais trabalhar na empresa, essas pessoas ainda são uma fonte importante de contatos profissionais e quem sabe podem ser novos clientes. Seus colegas ou o chefe podem escrever recomendações em seu LinkedIn ou mesmo lhe escreverem cartas de recomendação. Se for pertinente, você pode até mesmo ser um embaixador da empresa na sua escola ou eventualmente chamar algum executive para uma palestra na escola.

 

Reflita sobre seus planos desde o início
Pergunte-se sobre sua carreira desde o início: Quais são seus valores, motivações, estilo preferido? Você se adapta melhor em um ambiente corporativo ou em uma startup? Há testes que podem ajudá-lo a descobrir o que é melhor para si, como o Insights ou o  GMAC’s Reflect. Os resultados das ferramentas podem reforçar seus pensamentos inicias ou desafiá-lo a pensar diferente sobre onde você trabalha melhor.

 

Entreviste profissionais de diversas indústrias

Entrevistas informativas são um ótimo recurso para se saber como é trabalhar em indústrias e funções diferentes. Formar uma imagem o mais fiel possível através dessas entrevistas pode ajudar a evitar experiências ruins. Pergunte como é a rotina de trabalho, os desafios atuais tanto da função como do setor, como é o equilíbrio trabalho/vida pessoal, quais são as principais empresas da indústria, os concorrentes, qual o ritmo de promoções e como foi o processo de recrutamento. Normalmente as pessoas respondem ao interesse na vida profissional delas.

 

Expanda sua rede de relacionamentos

Comece logo a ampliar sua rede de relacionamentos no MBA. Procure conhecer o maior numero de pessoas, especialmente aqueles que fazer parte de seu cohort (subgrupo com quem fará as matérias obrigatórias do primeiro ano). Esse provavelmente será seu grupo mais coeso e próximo, e que pode apoiá-lo pelo resto da vida. Alguns serão seus amigos, mas potencialmente todos devem ser parte de sua rede profissional. Saiba o que fizeram e onde trabalharam e onde querem trabalhar depois. Acompanhe!
Lembre-se que uma boa parte de MBAs são contratados e recomendados por um colega de classe.

As Redes
LinkedIn é uma ferramente de relacionamento e pesquisa fundamental para os MBAs. O LinkedIn oferece muita informação sobre empresas, vagas, perfis profissionais, e quem conhece quem.

Use outras mídias sociais para coletar informações e aumentar sua rede de relacionamentos, mas seja cauteloso com o que publica e com o que publicam sobre você. Quem recruta pode olhar para esses dados antes de consolidar uma oferta.

Mantenha contato com seus grupos de alumni
Grupos de alumni (ex-alunos ou ex-integrantes) são uma boa oportunidade de networking. Então envolva-se o quanto antes. Procure a associação de alumni de sua escola em sua região e se apresente. Ainda estando no campus, você pode se tornar muito útil para os alumni de sua região. Se seu foco é mudar de região, procure o capítulo da região de destino.

 

Use os serviços de carreira
Familiarize-se com o serviço de carreira de sua escola o quanto antes. Não espere a hora de buscar estágio para fazê-lo. Saiba como funcionam e procure estratégias para tirar o melhor proveito dos serviços oferecidos.

 

Mais conteúdo sobre:

dicasempregoMBA