E – Empregadores 2014
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

E – Empregadores 2014

Claudia Gonçalves

03 Junho 2014 | 10h00

O GMAC realizou uma pesquisa para entender quais tipos de habilidades as empresas que recrutam MBAs e outros pós-graduandos. Os resultados dessa pesquisa surpreendem. A comunicação foi a mais enfatizada pela maioria dos empregadores. Se considerarmos que usualmente os formandos de MBA possuem habilidades analíticas bastante bem desenvolvidas, me parece natural que os empregadores não falem tanto sobre essa dimensão. Já é um pressuposto que MBAs tenham boas habilidades analíticas.

Os resultados se referem à pesquisa anual de empregadores de 2014 do GMAC. Os respondentes são cerca de 565 empregadores de 44 países, incluindo 36 empresas dos rankings da Fortune 100. Na pesquisa, os empregadores tiveram que definir qual a relevância das cinco habilidades (comunicação, trabalho em equipe, técnica, liderança e habilidade gerencial). Os empregadores também tiveram que indicar o nível de proficiência em cada categoria que eles exigem dos recém-formados em MBA que estejam concorrendo para uma vaga de nível médio (algo como média gerência) em suas empresas.

O GMAC descobriu que as quatro habilidades mais importantes caíram dentro das categorias de comunicação. Comunicação oral e capacidade de ouvir são a primeira e segunda, respectivamente, seguidas de habilidades escrita e de apresentação. A quinta habilidade mais buscada é adaptação. Depois da comunicação, vem trabalho em equipe, capacidade técnica, liderança e habilidade gerencial. Com exceção de uma indústria – a manufatura – a comunicação foi a mais importante em todas as regiões do mundo e tipos de empregadores, independente do tamanho ou indústria.

A velocidade de mudanças e a diversidade de times, seja em termos de funções, seja nacionalidades, tornam a comunicação um desafio importante nas empresas. Esta pesquisa reflete as habilidades mais desejadas logo após o MBA e, portanto, para um nível de média gerência. Para posições mais altas na hierarquia, a configuração desse ranking pode mudar bastante. Mas essas tabelas já podem dar algumas ideias sobre quais habilidades reforçar durante o MBA.

A comunicação pode ser trabalhada a todo o momento. Em sala de aula, nos grupos de estudos, em atividades extracurriculares, sempre há oportunidade para praticar comunicação oral e o ouvir. Como normalmente as escolas de negócios usam ferramentas para traçar o perfil dos alunos, é uma boa ideia usar essas ferramentas para traçar um plano de ação e trabalhar as dimensões que os empregadores mais procuram e valorizam nos MBAs recém-formados.  Nas escolas que disponibilizam coaches, o trabalho para refinar as habilidades pode ser levado a um nível muito elevado através de um trabalho de autoconhecimento e mudança de comportamento.

Por mais que habilidades técnicas estejam bem abaixo no ranking, isso não significa que se deve negligenciá-las ou que as empresas não vão olhar nessa direção. Para aqueles que estão visando mudanças de carreira, garantir um bom nível de proficiência técnica na nova função é fundamental. Por outro lado, o fato dos empregadores não colocarem esse quesito no topo da lista é o que permite sonhar com mudanças de carreira.

Liderança e gestão serão muito mais importantes em fases posteriores da carreira, mas já é importante conseguir demonstrar potencial.

 

 

 

Habilidades que as Empresas Demandam em MBAs recém-formados e Outros pós-graduandos em Negócios

Fonte: 2014 GMAC Corporate Recruiters Survey

Habilidades Específicas Ranqueadas por Nível de Proficiência para MBAs

 

Fonte: GMAC 2014 Corporate Recruiters Survey

No gráfico seguinte vemos como cada indústria que recruta MBAs e outros alunos de pós-graduação ranqueia as diversas habilidades.  As empresas de manufatura dizem que o atributo melhor ranqueado é integridade, seguido por motivação e capacidade em inspirar pessoas. As consultorias dizem que a comunicação oral e capacidade de ouvir são as principais.

 

 

As Dez Habilidades Mais bem Ranqueadas Por Empregadores por Industrias Específicas.

Fonte: 2014 GMAC Corporate Recruiters Survey