Experimento mostra para alunos como a chuva ácida se forma

Experimento mostra para alunos como a chuva ácida se forma

Colégio Marista Glória

04 Julho 2017 | 12h04

Em estações como o outono e inverno, costumam ocorrer algumas alterações na temperatura e diminuição da umidade relativa do ar. De acordo com o professor de Biologia, Valentin Georgevich, esses fenômenos favorecem para um maior acúmulo de poluentes na atmosfera e, sucessivamente, maiores possibilidades de ocorrência de chuva ácida.

“Na disciplina de Biologia precisamos ter aulas práticas, pois o retorno dos alunos é sempre bom, principalmente quando eles trabalham em grupo para discutir e trocar informações para aprenderem um com o outro”, afirma o professor.

Para mostrar como a chuva ácida se forma, o professor levou os alunos da 1° série do Ensino Médio até o laboratório para a realização de um experimento.  Com a utilização de indicadores naturais (repolho roxo) e comerciais (papel de tornassol) os alunos puderam observar as mudanças de Ph que ocorrem na atmosfera quando dispersamos substâncias como o óxido de enxofre, entre outros.

“No laboratório, queimamos enxofre em ambiente fechado que reagiu com oxigênio e vapor de água e essa reação produz substâncias ácidas que precipitam em forma de chuva. Na sequência, colocamos o repolho e o papel para mostrar a mudança de cor, revelando que a substância é ácida”, explicou Valetin.