Alunos do Marista Glória participam da 11ª Missão Solidária

Alunos do Marista Glória participam da 11ª Missão Solidária

Colégio Marista Glória

03 Fevereiro 2016 | 14h50

Durante as férias de janeiro, entre os dias 17 e 23, jovens Maristas tiveram uma experiência diferente: vivenciar a rotina de moradores de comunidades em situação de vulnerabilidade social e realizar ações voluntárias. Cerca de 500 alunos e ex-alunos participaram das ações em quatro diferentes cidades: Curitiba (PR), Paiçandu (PR), Caçador (SC) e São Paulo (SP).

A atividade da Missão Solidária Marista (MSM) é realizada todos os anos, desde 2005, com o objetivo de promover a educação para a solidariedade, a partir de uma experiência vivencial de aprendizado recíproco e dialógico. Nesse período, acontece a troca de experiências de vida entre jovens e moradores, a fim de despertar o senso crítico, a sensibilidade solidária e a espiritualidade. Participam da ação jovens de unidades sociais do Grupo Marista, colégios, PUCPR e Católica de Santa Catarina.

Jovens participam de Missão Solidária Marista em São Paulo (divulgação)

“A realização da Missão Solidária em quatro locais simultâneos almeja propagar a cultura da solidariedade, uma vez que favorece a participação de um número maior de jovens e, assim, contribui também para que essa iniciativa inspire outras pessoas a fazer o mesmo”, explica Diogo Galline, do Setor Pastoral do Grupo Marista.

Segundo Galline, a Missão Solidária Marista desperta os jovens para que retornem às suas realidades com o olhar aguçado e crítico, conseguindo perceber as injustiças sociais existentes em seu entorno para, assim, agirem como agentes de transformação social. “Acredita-se que a participação juvenil em uma Missão Solidária Marista é uma forma possível (embora não seja a única) de tornar real o desejo de um mundo mais fraterno para todos”, finaliza.

Em São Paulo, a Missão Solidária de 2016 aconteceu no Centro Social Marista Itaquera, na zona leste. Aproximadamente 75 jovens de Brasília, Goiânia, Ribeirão Preto e da própria capital promoveram a revitalização do parquinho de uma praça, atividades lúdicas com crianças, visitas e convivência dos alunos e ex-alunos com moradores da região.

Jovens mobilizados em ação solidária em São Paulo (divulgação)

A estudante da 3ª série do Ensino Médio do Colégio Marista Glória, Maria Vitória da Cruz, relatou ficar emocionada durante as atividades na Missão Solidária. “Visitamos famílias que enfrentam dificuldades, tivemos uma recepção calorosa e vimos os olhos brilhando de esperança. Foi uma grande lição”. Para a adolescente de 16 anos, a ação também ajuda no aprendizado: “Estudar pelos livros é uma coisa, mas ir até lá é outra; você acorda”.

A aluna Beatriz Amaral, também da 3ª série do Ensino Médio, acredita que entrar em contato com outras realidades é importante: “A discriminação é cultural, mas na Missão a gente vê que é totalmente diferente do que passa na TV”. Matheus Gomes, de 19 anos, é ex-aluno do Glória e continua participando todos os anos: “É bom manter o vínculo com o Colégio, amigos, professores e ainda ajudar outras pessoas”.

DSC03744