Dez dicas para proteger seus filhos dos riscos da internet

Equipe See-Saw Panamby

10 Setembro 2015 | 17h47

Alunos do Ensino Fundamental assistem à palestra sobre segurança digital

Alunos do Ensino Fundamental assistem à palestra sobre segurança digital

Alunos da See Saw Panamby recebem especialista em segurança digital que alerta sobre os perigos da alta exposição na web

Juliana Abrusio, especialista em Direito Digital e uma das diretoras da Nethics Educação Digital, marcou presença na Escola Bilíngue See-Saw Panamby no início de setembro para conversar com pais e alunos do ensino fundamental e médio sobre um tema que preocupa muitos familiares atualmente: a segurança digital.

A iniciativa fez parte do See-Saw Panamby Convida, um projeto voltado aos alunos, pais e educadores, que acontece regularmente na Escola desde 2002. A proposta dos encontros é levar ao colégio especialistas em assuntos pertinentes à educação, à cultura, ao lazer e outros temas que envolvem as rotinas dos estudantes e promover debates saudáveis acerca de seus conteúdos. Desde sua criação, a escola já recebeu nomes como Içami Tiba, Rosely Sayão, Ives de La Taille, Ivana Marques, entre outros.

Em um bate-papo descontraído, Juliana tratou de temas polêmicos como exposição, racismo e ofensas na web. Os alunos do ensino fundamental participaram de um jogo online inspirado no cyberbullying. A proposta: ajudar a reforçar atitudes corretas diante de mensagens ofensivas. Pais e familiares foram apanhados de surpresa ao serem questionados sobre a própria reputação na internet e estimulados a refletir a respeito.

Bem recebidas as atividades integram a palestra Educação e Cidadania Digital – Responsabilidade de Todos, comandada por Juliana que faz um alerta sobre a importância de estar atento ao uso ético e seguro da Internet:

“Pais e familiares precisam compreender melhor o mundo digital, natural do cotidiano de seus filhos. Quanto mais próximos estiverem deste universo, maior o conhecimento sobre os perigos que ele oferece”.

Para a especialista, esse comportamento ajuda a lidar com possíveis problemas.

Juliana reúne dez dicas para ajudar os pais a minimizarem os riscos da exposição no mundo digital.

Confira:

– Estimule a percepção do certo e do errado;
– Mantenha diálogo aberto com seus filhos;
– Alerte-os quanto aos perigos a que estão expostos no mundo online e como preveni-los;
– Realize a configuração de privacidade junto com a criança;
– Procure esclarecer a razão para não expor informações pessoais e sobre a privacidade da família nas redes sociais;
– Desative os serviços de localização dos dispositivos móveis, mas não deixe de explicar as razões;
– Acompanhe a interatividade de seu filho nas redes sociais e jogos online atento às novas amizades e demais comportamentos;
– Mantenha uma relação de sites permitidos para acesso das crianças;
– Estipule um limite de tempo permitido para navegação;
– Procure impedir que seu filho se torne refém da tecnologia.