Voltando ao ritmo

Voltando ao ritmo

Colégio Pentágono

24 Janeiro 2018 | 10h34

Férias! Tempo de relaxar, passear e, claro, sair da rotina. Nos dias de folga, a alimentação das crianças muda, assim como os horários de sono. Elas podem tomar sorvete a qualquer hora, dormir tarde, acordar tarde e brincar sem parar. A farra é grande e vale a pena. Difícil mesmo é voltar ao ritmo. Mas existem algumas coisas que podem ser feitas para que o retorno às aulas seja mais tranquilo.

Em relação ao sono, o ideal é voltar ao horário pouco a pouco, pelo menos uma semana antes do início das aulas. Porém, colocar as crianças para dormir cedo não é tarefa fácil. O que pode contribuir para isso é, no fim do dia, desligar as telas – que deixam a mente mais agitada – e optar por atividades mais calmas. Leituras, desenhos e brincadeiras, como quebra-cabeça ou jogo da memória, são boas alternativas.

Ter uma rotina antes de dormir ajuda as crianças a entender que o momento de ir para a cama chegou: ir ao banheiro, tomar banho, escovar os dentes, colocar o pijama e ouvir uma história. Estudos mostram que, durante a noite, o organismo libera o hormônio do crescimento. Por isso, a recomendação dos especialistas é de que as crianças sejam colocadas para dormir sempre por volta das 20 horas.

Se na praia vale comer milho, peixe, biscoito de polvilho e almoçar na hora do jantar, em casa, a alimentação pode – e deve – voltar ao normal, com horários regrados e hábitos saudáveis. Fazer um menu semanal, com carnes, frutas, verduras e legumes variados, auxilia a planejar as compras da semana. O importante é manter-se firme em relação às opções oferecidas e não abrir muitas possibilidades de negociação com as crianças, para que elas saibam que aquilo que prevalece nas férias não vale durante o ano todo.

Tirar um tempo para preparar o material e o uniforme antecipadamente também pode tornar a volta mais amena. Com tudo previamente organizado, dá até para arrumar a mochila do primeiro dia de aula e separar as roupas da semana. Os uniformes devem ser comprados na numeração adequada para dar mais conforto às crianças. É preciso, ainda, que sejam nomeados, com etiquetas ou com caneta de tecido, o que facilita a identificação dos pertences. Com tudo à mão, o primeiro dia de aula certamente será mais tranquilo.

No Colégio Pentágono, nós respeitamos o ritmo de cada um. O ideal é que todos os alunos cheguem à escola para o primeiro dia de aula no horário certo e bem-dispostos. Entretanto, sabemos que o ideal nem sempre é o que acontece na realidade – principalmente após as férias. Por isso, cada criança é acolhida e tem suas necessidades de sono e de fome atendidas sempre que possível. E, por mais difícil que pareça, elas voltam ao ritmo. E nós também.

Julia Contier Fares
Coordenadora da Educação Infantil do Colégio Pentágono