Para além da sala de aula

Para além da sala de aula

Colégio Pentágono

04 Outubro 2017 | 11h45

Antônio Nóvoa, Reitor da Universidade de Lisboa, afirma que o professor tem de ajudar o aluno a transformar a informação em conhecimento. O que define a aprendizagem não é saber muito, é compreender bem aquilo que se sabe.

Nesse sentido, buscamos formas de validar e legitimar a aprendizagem, acreditamos que não é o muito saber, mas o saber em excelência que fará a diferença na vida dos nossos alunos.

Pensando na excelência, o Colégio Pentágono não abre mão do Estudo de Meio, proposta interdisciplinar planejada que integra as áreas do conhecimento com o objetivo de gerar a construção de novos conceitos, habilidades e atitudes.

O Estudo de Meio vai além da sala de aula, exige da equipe pedagógica um planejamento de atividades que antecedem a saída, apresentando o contexto e as observações que farão em campo. Porém, não se esgota nessa etapa. É no retorno que os alunos farão a constatação das suas observações e hipóteses, chegando à conclusão e à construção de novos saberes.

Além disso, o Estudo de Meio ajuda o aluno a estabelecer relações entre o mundo e o que foi estudado na escola, desenvolvendo habilidades importantes, como, por exemplo, observar, investigar, argumentar e interpretar, envolvendo a participação ativa do estudante no processo de aprendizagem.

As atividades também favorecem a construção das habilidades socioemocionais, pois permitem que os alunos exercitem a cooperação, a responsabilidade, a empatia e a solidariedade, entre outras.

O Estudo de Meio é um dos momentos mais esperados pelos alunos, é uma forma de ensinar e aprender que envolve interesse, prazer e descontração. Afina-se o convívio entre o professor e o aluno, entre os próprios alunos, e novos laços se constroem.

Contudo, no Colégio Pentágono, o Estudo de Meio é uma atividade que faz parte do currículo; é planejada e declarada nas séries escolares, proposta que acreditamos contribuir significativamente para o desenvolvimento cognitivo e socioemocional. Além disso, aumenta o repertório cultural e encoraja os nossos alunos a se tornarem cidadãos do mundo.

Viviane Polito
Coordenadora do Ensino Fundamental I
Unidade Alphaville