Crianças da Educação Infantil do Colégio Pentágono exploram noções sobre o tempo

Crianças da Educação Infantil do Colégio Pentágono exploram noções sobre o tempo

Colégio Pentágono

16 Maio 2018 | 18h08

Perguntas, como crianças pequenas entendem o funcionamento da marcação temporal? O que elas percebem a respeito do tempo que já passou? E o tempo presente? E aquele que ainda está por vir?,  fazem-nos pensar na necessidade de estudarmos e discutirmos a respeito dos processos de construção da noção de tempo nos seres humanos, com especial atenção para as crianças no início da escolaridade.

A integração da Matemática e da Geografia, bem como os estudos dessas duas áreas do conhecimento a respeito da construção da noção de tempo, são fortes aliados dos professores e coordenadores pedagógicos das unidades de Educação Infantil do Colégio Pentágono, no entendimento das hipóteses das crianças na escola a respeito do tempo que as rodeia, bem como dos orientadores na organização de propostas pedagógicas que auxiliem os alunos a avançarem em seus conhecimentos.

A criança da Educação Infantil está na forma do tempo vivido, ou seja, ela vive o tempo por meio de seu corpo em movimento – a experiência do espaço é inseparável da do tempo, como, por exemplo, a dança, a corrida, a marcha etc.

A criança vive o tempo quando, por exemplo, espera uma brincadeira, uma boa notícia, aguarda o intervalo, o parque etc.

Nesse sentido, as propostas estruturadas pelas professoras consideram uma abordagem que leva em consideração a exploração da organização temporal pelos alunos, como os cantos, a rotina diária, o varal da semana e o calendário mensal como podemos perceber a seguir:

Toda exploração feita em sala de aula para cada uma dessas propostas considera as ideias dos alunos, tomando como referência as suas hipóteses no período de vida em que estão, o que determinará que tipos de atividades farão sentido para cada um deles.

Patrícia Cândido
Assessora de Matemática na Educação Infantil e no EFI do Colégio Pentágono