A educação de excelência como resultado: reafirmando um valor

A educação de excelência como resultado: reafirmando um valor

Colégio Pentágono

04 Abril 2018 | 10h22

Aristóteles definiu que somos aquilo que repetidamente fazemos. Da mesma forma, no livro de Richard Bach,  Fernão Capelo Gaivota, através de um pássaro que, diferentemente dos outros de sua espécie, não se preocupa  apenas em conseguir comida, mas em aperfeiçoar  a sua técnica para buscar propósitos mais nobres em sua vida, conseguimos enxergar  a  metáfora sobre acreditar nos próprios sonhos e buscar o que se quer. Como? Precisamos ser uma versão melhorada a cada treino. É o lapidar da vida esculpindo a nossa história, cujos detalhes fazem toda a diferença. Entretanto, de onde vem o alimento que gera energia e sustenta essa vontade voraz de ser e de fazer o melhor?

A educação é a maior responsável por  essa missão na sociedade. É a escola a pista de decolagem para os voos ousados, o lugar onde valorizamos e utilizamos os conhecimentos construídos para entender e explicar a realidade e,dessa forma, continuar ensinando para colaborar na construção de uma sociedade justa e equilibrada.São as boas aulas que provocam os alunos a elaborar hipóteses e, por meio da utilização de diversas linguagens,a propor soluções. É o   bom professor que instiga a inquietação no aluno, ensina as estratégias da  argumentação com dados e informações confiáveis, não só para defender as suas ideias, mas também para construir decisões amplas que respeitem e promovam os direitos humanos.

Acreditando nesse propósito, o Colégio Pentágono tem como Projeto Pedagógico entregar ao mundo cidadãos que sabem fazer escolhas e, mais do que isso, têm uma sede insaciável pelos saberes. Por meio do conhecimento,são capazes de resolver questões de interesse particular e, sobretudo, coletivo.Dessa forma, nossos alunos – cidadãos do mundo – são capazes de interferir   com atitudes positivas e responsabilidades no contexto em que estão inseridos.

De modo gradativo, respeitando o desenvolvimento cognitivo e emocional, fomentamos em nossos alunos a vontade de crescer. Assim, alçando voos mais altos do que um desempenho acadêmico de excelência, podem participar e contribuir com a resolução de problemas em diversos contextos sociais. Por meio das habilidades e recursos que desenvolvem no Colégio Pentágono, manifestam experiências, ideias e sentimentos, adquirem protagonismo e autoria na elaboração de soluções, tanto na vida pessoal quanto na coletiva.

Entretanto, em que momento sabemos que estamos no caminho certo? Quando enxergamos o valor do conhecimento como prioridade nas atitudes dos nossos alunos, que bebem da fonte do saber,  e, por isso, são felizes na escola. Quando as aulas nas áreas de Ciências Humanas, Matemática ou Ciências da Natureza os desestabilizam positivamente, aguçam a curiosidade e abrem o caminho para os profissionais do futuro. Geramos cientistas, médicos, nutricionistas, advogados, filósofos, empreendedores em todas as aulas. E, ao final, como resultado, não ficamos somente com os números – 53% de aprovação nas universidades públicas, 92% de aprovação nas melhores universidades particulares e média de 830 na redação do ENEM -, mas também com a entrega à sociedade de cidadãos conscientes e aptos a agir com a excelência de quem foi formado para essa missão.

Esse é o caminho do Colégio Pentágono, aquele em que formamos pessoas responsáveis por suas atitudes e capazes de usar a empatia e o conhecimento como hábito para tomar decisões com base em princípios éticos, democráticos, inclusivos, sustentáveis e solidários.

Andréa Andreucci Ramos Maria
Coordenadora do Ensino Médio da unidade Morumbi do Colégio Pentágono