Conheça os diferenciais do nosso Ensino Médio

Conheça os diferenciais do nosso Ensino Médio

Prestes a completar 97 anos, aliamos nossa tradição à experiência de nosso corpo docente, promovendo um projeto pedagógico inovador e de excelência acadêmica, por meio de um currículo que prioriza a formação de experiências para nossos estudantes do Ensino Médio (EM). No Ofélia, desenvolvemos uma série de ações de incentivo para estimular o conhecimento, em um contexto atual e dinâmico.

Ofélia Fonseca

07 Março 2018 | 16h37

Estudantes, durante aula da disciplina optativa no Ofélia (Foto: Divulgação/Colégio Ofélia Fonseca)

Prestes a completar 97 anos, aliamos nossa tradição à experiência de nosso corpo docente, promovendo um projeto pedagógico inovador e de excelência acadêmica, por meio de um currículo que prioriza a formação de experiências para nossos estudantes do Ensino Médio (EM). No Ofélia, desenvolvemos uma série de ações de incentivo para estimular o conhecimento, em um contexto atual e dinâmico.

 

Dentro da proposta do Novo Ensino Médio, que prevê a flexibilização curricular para permitir que o estudante escolha a área de conhecimento para aprofundar seus estudos, atuamos na formação de estudantes que saibam fazer boas escolhas e que consigam ser protagonistas na sociedade.

 

Disciplinas optativas contemplam a proposta do Novo Ensino Médio (Foto: Divulgação/Colégio Ofélia Fonseca)

Pensadas para exercitar as escolhas dos estudantes, sua autonomia e seu contato com diversas linguagens, as disciplinas optativas contemplam temas da atualidade nas áreas sociais, artísticas e tecnológicas, promovendo uma visão diversificada para algumas discussões, no âmbito educacional. Na grade estão disciplinas como fotografia criativa, audiovisual, cultura e ideologia, além de tópicos procedimentais em ciências da natureza.

 

Outra questão relevante em nosso projeto pedagógico, está em orientar os estudantes para ajudar em suas escolhas profissionais. Para isso, durante o EM, os estudantes são convidados a participarem de mesas redondas com profissionais de diferentes áreas de atuação, que apresentam panoramas atualizados sobre mercado de trabalho, engajamento corporativo e empreendedorismo.

 

Projeto de pesquisa no Ensino Médio

Apresentação do TCC no Ofélia (Foto: Divulgação/Colégio Ofélia Fonseca)

Uma tradição do Ofélia, que se destaca por preparar os estudantes para a graduação, o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), promove uma movimentação especial no último ano, já que os estudantes escolhem o tema que querem pesquisar – sempre questões atuais e pertinentes aos interesses coletivos -, e também o professor orientador, que vai direcionar os trabalhos, que são apresentados para uma banca, formada por especialistas convidados.

 

Preparação para o vestibular

Colégio promove projeto educacional reflexivo e contemporâneo (Foto: Divulgação/Colégio Ofélia Fonseca)

Com um método de avaliação que respeita o processo individual de aprendizagem, nosso colégio prepara os estudantes para que eles possam resolver problemas do cotidiano com criatividade e inovação.

 

Temos uma parceria com o Anglo Vestibulares e com o Cursinho Intergraus, que dão suporte nos nove simulados, realizados de forma pontual, durante todo o ano, pelos estudantes do 2º e 3º Ano do EM.

 

Para mantermos a qualidade da formação dos estudantes do EM realizamos semestralmente uma avaliação externa com a Geekie para avaliarmos as aprendizagens dos estudantes do EM e, portanto, nossa prática pedagógica. Essa avaliação nos possibilita uma visão aprofundada e real do trabalho desenvolvido e oportuniza interferências de qualidade com os grupos do EM.

 

A partir dessa avaliação e seus resultados há uma análise e interpretação dos dados em equipe, realizamos um replanejamento com atividades diversificadas, individuais ou coletivas, para regularmos as dificuldades presentes em cada estudante e propiciarmos novas aprendizagens.

 

“É importante ressaltar que nossos estudantes aprendem não apenas os conteúdos curriculares, mas principalmente, a serem sujeitos conscientes, criativos e capazes de intervir de forma qualitativa e autônoma na sociedade”, completa Marisa Monteiro, diretora do Ofélia.