Escola: espaço de desenvolvimento humano

Escola: espaço de desenvolvimento humano

Colégio FAAP

06 Abril 2018 | 15h35

Nada melhor, para encerrarmos nossos posts sobre avaliações escolares, do que o depoimento de uma de nossas professoras a respeito desse aspecto importante do processo educacional.

Tal postura, de uma jovem docente, ilustra e comprova a univocidade de nossos professores sobre educação, o que faz valer e realizar nossos objetivos pedagógicos em tempos onde princípios ficam à mercê de variações nas demandas de mercado e de modismos inconsequentes.

Sem que a totalidade de uma equipe pedagógica (em todos os níveis da administração escolar) incorpore os princípios que norteiam um projeto educacional, as dissonâncias geram contradições que, percebidas pelos alunos, transformam em letra morta um projeto pedagógico que se pretendia sério. Dessa doença, muito comum, já vimos perecerem lindos projetos educacionais.

Gaziela Bonato Lião

Gaziela Bonato Lião, professora de Língua Portuguesa, sobrenadando as minúcias técnicas do processo educacionais, toca nos princípios maiores que devem nortear a aquisição de conhecimento e o crescimento humano:

“Pensar a educação essencialmente como formação e desenvolvimento humano leva-nos a acreditar que há sentido na prática docente e o melhor é acreditar que há espaço para todos, sem desalento.
Voltar à história da humanidade é entender essencialmente que podemos mudar, fazer o diferente, fazer o necessário, fazer o que não foi feito até então. E, para nós, o hoje suscita veemente este fazer.
A escola faz e fará cada vez mais sentido se percebida por todos os envolvidos como espaço do desenvolvimento humano, no mais rico e diminuto valor contido nestes termos, aí sim agregado ao belíssimo e transformador conhecimento do homem ao longo dos séculos.
Por favor, sem melindres, foquemos menos em notas e mais em avançarmos. Preferencialmente, nos pequenos avanços humanos. Estes, sim, valem e muito! “

 

Professor Henrique Vailati Neto é diretor do Colégio FAAP – SP. Formado em História e Pedagogia, com mestrado em Administração. É professor universitário nas disciplinas de Sociologia e Ciência Política. Tem quatro filhos e quatro netos.

 

Troque ideia com o professor: col.diretoria@faap.br