Conhecimento para além dos muros das escolas nas aulas de Educação Física

Conhecimento para além dos muros das escolas nas aulas de Educação Física

Colégio Anglo 21

03 Maio 2017 | 11h36

*Por Prof. Ricardo Yoshio Silveira Ribeiro 

Estudar nas aulas de Educação Física? Pode soar estranho pois tradicionalmente relacionamos com o momento de praticar atividade física, do jogar ou do brincar; Consideramos que são manifestações importantíssimas da cultura humana, porém acreditamos que no Colégio Anglo 21 essas práticas devem estar alicerçadas com os objetivos educacionais.

Nós, professores de educação física somos cientes dessas finalidades e das características do componente curricular no ensino fundamental que consistem no desenvolvimento e aquisição de conhecimentos e habilidades sobre o movimento humano para que os (as) alunos (as) possam usá-los (as) onde quer que estejam, extrapolando assim, os muros da escola e reconhecendo o significado e a importância do movimentar-se na busca de benefícios para a sua qualidade de vida e bem-estar.

Trouxemos para o desenvolvimento das aulas, o conceito emergente e contemporâneo: a Cinesiologia Humana que rompe com os paradigmas tradicionais da educação física, explorando o estudo do movimento humano de forma inter-relacionados, considerando aspectos biológicos, físicos, psicológicos, antropológicos e sociais.

Inicialmente os alunos dos 9º anos A e B, foram incentivados a conversar sobre os hábitos que induzem as pessoas a comportamentos sedentários; Em seguida, assistiram a alguns vídeos de campanhas publicitárias sobre o sedentarismo; discutimos sobre os conceitos do mesmo com base nas agências internacionais como a Organização Mundial da Saúde (OMS).  Foram mobilizados a experimentar práticas de atividades físicas importantes para que pudessem incorporar no dia a dia e finalmente se conscientizaram que poderiam compartilhar todos esses conhecimentos com os demais colegas do Colégio Anglo 21. Surgiu daí a ideia de construírem um folheto informativo sobre o Sedentarismo e a culminância do trabalho pedagógico se deu com a apresentação e exposição dos folhetos nos corredores da nossa escola.