Muito mais do que dança – A trama de culturas que enreda o Brasil

Muito mais do que dança – A trama de culturas que enreda o Brasil

Colégio Santa Maria

19 Junho 2017 | 09h41

Autoria: Ricardo Borduchi e Claudio Natacci

Em 2017 os alunos do 4º ano do Santa Maria foram colocados frente a frente com o desafio de representar a nossa brasilidade. Um país de cores, formas, contrastes, texturas e uma imensa diversidade cultural, esse é o nosso Brasil!

A nossa brasilidade é cheia de peculiaridades, mistura sabores e aromas e mostra a força do povo brasileiro, sempre guerreiro! A trama de culturas que enreda o Brasil não conhece limites, tem vocação para o espalhamento, para a amplidão. Feliz a nossa nação, que tem a chance de fazer da diversidade uma imensidão.

Que a diversidade seja sempre motivo de orgulho pela riqueza que confere à nação brasileira. Com essa variedade de costumes e sabores, o 4º ano, morando nesse país tão tropical e abençoado por Deus, apresentou essa mistura de costumes na Festa Junina.

Orientação e professores desenvolveram  estudo em sala de aula com este tema, aumentando o repertório dos alunos e colocando-os em contato com a diversidade, não apenas natural de nosso país, mas também com as diferentes manifestações culturais de cada região.

Um dos facilitadores para esta missão é conhecer e vivenciar através  da música e dança a exaltação de cada cultura, sabendo que a dança possibilita uma educação integral, pois como processo educacional faculta: perfeita formação corporal; espírito socializador, criatividade e  desenvolve aspectos éticos e estéticos.

Com este enfoque as representações coreográficas foram desenvolvidas  interdisciplinarmente entre as professoras polivalentes, de Educação Física e Música. Os ensaios aconteceram nas aulas de Educação Física, contemplando assim, um dos eixos de seu planejamento (Atividades Rítmicas, Lutas e Danças).

Aproveitamos todo potencial de expressão do corpo humano, por meio de uma atividade prazerosa que é a dança, de modo que os alunos foram desafiados a explorar todas as suas potencialidades mediante vivências corporais, estabelecendo relações com o corpo, com o outro e com o mundo ao seu redor.

Nossos alunos experimentaram-se por meio de sua consciência corporal, o conhecimento intelectual e livre expressão, favorecendo a criatividade e não priorizando a execução de movimentos perfeitos, mas sim a forma de expressão e comunicação estimulando-o ao desenvolvimento da expressão e a criticidade.

Como trabalho interdisciplinar, resultou em contribuições significativas, para o aprendizado e desenvolvimento dos alunos nos seguintes aspectos: aprendizagem, compromisso, cidadania, responsabilidade, interesse, senso crítico, criatividade, envolvimento, socialização, comunicação, livre expressão, respeito, autonomia e cooperação.

Como pudemos ver a apresentação na Festa Junina do 4º ano foi muito além do que uma simples representação, aspectos significativos como as diferenças culturais, desenvolvimento motor, e aspectos socioemocionais, vão de encontro com a formação integral que buscamos em nosso aluno.

0 Comentários