Mesmos professores – outras experiências: um palco emocionante!!!

Mesmos professores – outras experiências: um palco emocionante!!!

Colégio Santa Maria

11 Dezembro 2015 | 07h30

Especial e emocionante são talvez os adjetivos mais próximos do ideal para descrever uma experiência naquilo que a princípio seria simplesmente uma leitura dramática.

Em reunião dos professores a equipe da área de Ciências Humanas do Ensino Médio apresentou um projeto que seria desenvolvido ao longo do 2º semestre em razão do aniversário da morte de Zumbi dos Palmares. Dentre vários eventos, os professores foram convidados a participar de uma leitura dramática com alunos – uma atividade inédita, até então.

A obra em questão – o ‘texto da vida’ da professora que apresentou o projeto – é Arena conta Zumbi, musical escrito por Gianfrancesco Guarnieri e Augusto Boal em 1965. “Já tinha ouvido falar, mas sem nenhuma intimidade com a arte dramática, a não ser meu palco-sala-de-aula diário, nem com o texto apresentado em 65, me senti muito atraída a participar da tal leitura”, afirma a professora Mary Monreal, de Inglês.

“Fui ao primeiro ensaio. Éramos muitos. Vários professores dispostos a interagir com vários alunos. A diretora, sempre muito paciente, foi sugerindo os papéis lindamente. A cada semana o grupo ia sofrendo modificações até chegar à configuração final de quatro professores, onze alunos das três séries do Ensino Médio, músicos convidados e nossa fiel e constante diretora”, descreve a professora-atriz.

1112_Ike5 1112_Ike6

Ensaios todas as terças – aparente loucura para quem tem tantas aulas, compromissos, provas e trabalhos a corrigir, filho, marido, jantares a preparar…

Mas o sentimento de plenitude e desafio foi crescendo no grupo a cada semana.  “Estamos sempre atuando, mas nunca imaginei sentir tanta alegria, afinal dessa vez era diferente, pois o texto me maravilhou, o grupo foi desde o início muito acolhedor e o resultado foi simplesmente mágico: como se fôssemos um corpo só clamando por LIBERDADE”, conclui Mary.

Experiência de construção coletiva sem igual para alunos e seus professores, reforça um ideal comum de que estamos no lugar certo com as pessoas certas fazendo a coisa certa: Educação.

1112_Ike2