Desvelando os mistérios da leitura e da escrita no Pré

Desvelando os mistérios da leitura e da escrita no Pré

Colégio Santa Maria

24 Maio 2017 | 08h31

Autoria: Regina Freire Costa

Quando começam as primeiras experiências da criança com a linguagem escrita? Desenvolver o interesse e o hábito pela leitura é um processo constante, que começa muito cedo, em casa, aperfeiçoa-se na escola e continua pela vida inteira.

É preciso promover momentos para que a criança possa descobrir o prazer da leitura. Assim, pais e professores têm um papel fundamental nessa descoberta: serem estimuladores e incentivadores da leitura.

No Pré da Educação Infantil do Santa Maria, desde o primeiro dia de aula  nossas crianças veem seu nome, primeira palavra significativa, escrito na agenda, cabideiros, listas e materiais. Ouvem histórias todos os dias, têm em classe livros para livre manuseio e exploração, têm contato com bilhetes escritos aos pais, com a receita da culinária, com a parlenda ou música que aprenderam… Além de todos os estímulos intencionais ou não que recebem em casa e no mundo de forma geral.

Ouvir histórias, entrar em contato com diferentes enredos é um acontecimento tão prazeroso que desperta o interesse de diferentes faixas etárias. Se os adultos adoram ler uma boa história, a criança é capaz de se interessar e gostar ainda mais, já que sua capacidade de imaginar é muito mais intensa. É por meio das histórias que os pequenos podem vivenciar diferentes papéis e situações, trocar ideias entre si, imaginar e criar.

As crianças aprendem a esperar mais tempo até ter sua vez de interagir, reconhecem a linguagem narrativa e podem até reproduzir a história que escutaram, aprendem a prestar atenção, adquirem conceitos sobre o que está impresso e imitam o modelo de leitor do adulto.

Aprendem então a entonação, as pausas, a posição, os comentários que os adultos fazem ao ler, para logo poder imitá-los em atividades de simulação de leitura.

O Pré E solta sua imaginação para contar suas próprias histórias. Além de terem uma escolhida diariamente com intencionalidade pela professora, nossos alunos selecionam leituras na biblioteca da sala ou trazem de casa uma história para recontá-la ao grupo.

“Rê, no dia do trabalho posso fazer a leitura de uma história para Beth e Silmara? Ainda não sei ler todos os livros, mas tem um na minha casa que sei ler todinho só olhando as imagens”, disse a aluna Serena.

É na interação com a leitura que a criança desenvolve a criatividade, a imaginação, adquire cultura, conhecimentos, valores, amplia sua visão de mundo e constrói seu apreço pela leitura.