A importância da lição de casa

Colégio Santa Amália

06 Novembro 2017 | 17h17

 

É necessário entender a importância da lição de casa, já que se trata de uma parte
significativa do processo de aprendizagem escolar.

As tarefas são uma oportunidade de autoaprendizagem, autoconhecimento, de reflexão,
de expressão e de crescimento pessoal do aluno. Além de ser um auxílio no processo de
aprendizagem, as tarefas de casa desenvolvem responsabilidade e senso de organização.
Depois de um período exaustivo de aulas, ao retornar para casa, o que os alunos querem é,
na verdade, um bom descanso e lazer. Mas, cruzes!  Tem lição de casa!

Nesse momento, é comum observar a falta de vontade para realizar as atividades trazidas
da escola. Assim, o estímulo e o interesse da família são importantes. Porém, a escola
precisa construir atividades desafiadoras, que motivem as crianças e os adolescentes e que
colaborem no processo de aprendizagem.

Para os professores, refletir diariamente sobre lições de casa significativas, adequadas e que
realmente contribuam para o aprendizado dos conteúdos programados, é um desafio. As
tarefas não devem ser repetitivas e passam bem longe de exercícios de pergunta e resposta
para memorização.

As atividades devem ser criativas, dinâmicas, interessantes e desafiadoras. Só assim farão
sentido para o aluno e instalarão, por meio do estímulo, o gosto pelo estudo e pela reflexão.
Despertando a consciência e o senso crítico.

Para a família, trata-se de uma interrogação: algumas vezes, parece que há tarefa demais.
Outras, de menos. Em alguns momentos, fica a sensação de que é errado a criança precisar
de ajuda para realizar a tarefa. O que nem sempre é verdade, pois alguns tipos de lições de
casa podem exigir, sim, a participação estratégica da família.

Para os alunos, não é fácil entender a importância da atividade, podendo gerar sentimentos
divergentes. Há os perfeccionistas, que não admitem o erro e, que querem acertar sempre
buscando fazer o que acreditam que o professor deseja verificar. Outros alunos fazem disso
um pretexto para ter a presença e a atenção dos pais e familiares. Há os que se esquecem
de executar ou de levar a lição. E, os que deixam sempre para depois e acabam sem tempo.
Mas, na maioria dos casos, a tarefa de casa é realizada com prontidão, pois deve existir uma
orientação e  rotinas estabelecidas, gerando forte sentimento de satisfação. E, dessa forma
contribui para o fortalecimento da autoestima: eu sou capaz!

 

 

Maria Zélia Dias Miceli
Gestora/ Colégios Santa Amália/Liga Solidária