Inglês na infância: a diferença entre aprender e viver o idioma

Colégio Rio Branco

08 Fevereiro 2018 | 17h24

Assista ao vídeo e conheça a importância de uma proposta pedagógica baseada em vivências para a aprendizagem

Aprender um segundo idioma é fundamental em um mundo cada vez mais globalizado, tanto  para a socialização, quanto para o desenvolvimento interpessoal, acadêmico e profissional. Por isso, muitos colégios passaram a incluir, cada vez mais cedo, línguas estrangeiras no currículo escolar.

Uma das principais preocupações das famílias é a idade que as crianças devem iniciar o contato com uma segunda língua, mas educadores acreditam que os pequenos são capazes de aprender mais de um idioma ao mesmo tempo sem danos ao desenvolvimento e à capacidade de comunicação na língua materna, desde que respeitadas todas as etapas pedagógicas de ensino e aprendizagem adequadas a cada faixa etária.

O ensino da Língua Inglesa no Colégio Rio Branco começa na Educação Infantil e até o 2º ano do Ensino Fundamental tem como base, importantes pilares: o desenvolvimento de competências interculturais, a utilização de uma segunda língua para aprender sobre diversos temas do cotidiano e em situações da rotina escolar e o apoio de duas professoras sendo uma delas bilíngue. Tudo para garantir um contexto autêntico de aprendizagem e formar um cidadão conectado com um mundo global e dinâmico.

Ao respeitar as necessidades e interesses da infância e o contexto de uma escola brasileira, aberta ao dinamismo de uma sociedade plural, a escola utiliza referências que tem como premissa, a necessidade, cada vez mais intensa, de comunicação e troca de informações entre povos, grupos e indivíduos no despertar deste terceiro milênio.
O foco está no uso da língua e não somente no conhecimento sobre ela.

Competências interculturais

A comunicação deve estar acompanhada de uma postura pautada em competências interculturais desenvolvidas. Assim, a Língua Inglesa se apresenta como uma importante ferramenta para que esta abordagem seja desenvolvida, cooperando efetivamente para o estabelecimento de pontes entre interlocutores das mais diferentes realidades culturais.

Esse é o papel do ensino da Língua Inglesa no Colégio Rio Branco: desenvolver a comunicação no idioma para que os alunos possam interagir com pessoas de diferentes culturas e o ensino de diferentes conteúdos disciplinares por meio de uma língua estrangeira.

Ao utilizar de outro idioma para aprender sobre outros assuntos diversos e se comunicar, cria-se um contexto autêntico de comunicação para a aquisição da segunda língua.

Em uma perspectiva natural e construtivista, entende-se que se aprende uma segunda língua de maneira semelhante a que se aprende a língua materna, havendo uma diferenciação entre aquisição e aprendizagem. A aquisição ocorre de maneira quase que “inconsciente”, a partir da interação com falantes mais competentes linguisticamente. Já a aprendizagem pressupõe um aprender consciente e reflexivo acerca da língua.

Contexto autêntico de aprendizagem

No Colégio Rio Branco, a aquisição do Inglês é favorecida por um contexto bilíngue, no qual uma das professoras da sala se expressa intensamente com os alunos, durante a aula específica de Inglês e durante a maior parte de sua rotina diária.

É importante destacar que o ensino do Inglês dialoga intensamente com a proposta pedagógica do Colégio Rio Branco. Diferentes atividades são desenvolvidas para atender às necessidades de desenvolvimento das competências sócioemocionais e as necessidades de cada faixa etária.

O professor se utiliza de diferentes portas de entrada – música, corpo, arte, literatura, teatro, tecnologia, Snack Time, brincadeiras – para que as crianças vivenciem a língua como instrumento para o divertimento, interação e realização das demais tarefas e atividades do seu dia a dia escolar.

Mais informações: www.crb.g12.br