Férias têm expedição, aventura e pesquisa científica na África

Férias têm expedição, aventura e pesquisa científica na África

Alunos do Colégio Rio Branco participam do projeto internacional Operação Wallacea

Colégio Rio Branco

17 Julho 2017 | 16h00


Durante as férias de julho, um grupo de 10 alunos optaram por participar de mais uma expedição  do projeto Operação Wallacea, desta vez, na África do Sul. Uma experiência cultural única!

Os jovens, acompanhados do coordenador pedagógico da unidade Higienópolis, Henrique Bovo Lopes, estão hospedados na Reserva Nacional de Kruger, um dos principais parques do país que abriga grandes mamíferos. Durante a primeira semana, participaram de sessões de treinamentos na selva, pesquisas botânicas  e apenderam mais sobre a ecologia da savana africana e o manejo da vida silvestre.

Nos últimos dias, ficaram em um camping na Sodwana Bay, onde participaram de sessões de mergulho  para a observação de recifes e da fauna marinha no Oceano Índico. Além da experiência local, o projeto também permite a vivência e a troca cultural com estudantes de outros países que estão participando da mesma expedição.


A Operação Wallacea é uma rede de acadêmicos de universidades europeias e norte-americanas, que projeta e aplica programas de pesquisa da biodiversidade e gestão de conservação.

O fundador da Operação Wallacea, Tim Coles e a diretora regional do projeto no Brasil, Nayara Hachich, estiveram no colégio, no mês de maio, para apresentar as diferentes possibilidades aos estudantes e responder perguntas sobre a viagem aos interessados.
As expedições têm inúmeros benefícios acadêmicos que podem, inclusive, ajudar os alunos no acesso às universidades do exterior. No ano passado, os alunos do Colégio Rio Branco estiveram em Honduras.

Conheça mais sobre o projeto internacional: www.opwall.com