Volta às aulas: como ter um bom ano de estudos
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Volta às aulas: como ter um bom ano de estudos

Poliedro

27 Janeiro 2016 | 10h22

Em muitas escolas e cursos pré-vestibulares, as aulas iniciam-se nesta semana. O período de descanso terminou e é hora de retomar a rotina de estudos. Esses estudantes encontram-se em diferentes momentos do processo de preparação para o vestibular: alguns estão no terceiro ano, outros já terminaram o Ensino Médio e começarão o cursinho e muitos retornarão ao pré-vestibular para mais um ano de estudo.

Os alunos passarão por um período de adaptação até retomarem o ritmo de estudos que devem manter ao longo do ano. Este pode ser um período mais difícil para os jovens que não foram aprovados nos vestibulares que prestaram, e precisam encontrar novamente uma motivação para continuar. Outros, chegarão com muita disposição. Para todos eles, o processo de preparação para o vestibular pode ser comparado a uma maratona.

Alunos do Ensino Médio do Colégio Poliedro São Paulo

Para conquistar esse objetivo, é importante perceber seus próprios limites e o que é preciso fazer para alcançá-lo. Em uma maratona, se o corredor utilizar toda a sua energia e correr o mais rápido que puder, no início, dificilmente chegará ao fim dos 42km. O vestibulando também precisa planejar seu percurso. Organizar uma rotina semanal é fundamental para chegar ao fim de um ano intenso de estudo com grande bagagem de conhecimento e estar preparado para os vestibulares.

Uma aprovação na faculdade que se deseja depende desse conhecimento acumulado e de equilíbrio: físico e emocional. Para isso, a organização de um plano de estudos possibilita que o aluno possa dedicar-se bastante, sem comprometer seu horário de sono, e ainda tenha tempo para fazer uma refeição balanceada e outras atividades de que gosta, como praticar esporte, ir ao cinema, namorar, etc.

Dormir bem é essencial nesta etapa. Alguns alunos alimentam a ilusão de que dormir menos lhes dará mais horas de estudo. Certamente mais horas, mas com que qualidade? O que percebemos, na prática, é exatamente o contrário. O aluno se cansa mais rapidamente e isso prejudica seu aprendizado. Sabemos que uma boa noite de sono fortalece as conexões entre os neurônios, possibilitando maior capacidade de memorização, concentração e aprendizagem. O lazer também tem papel importante na atividade cerebral, promovendo a estimulação de nossos centros de recompensa associados ao prazer. Um meio rico em estímulos promove  uma maior saúde de regiões cerebrais tais como o hipocampo, que está relacionado a uma atividade cognitiva mais desenvolvida.

Exemplo de plano de estudos organizado por aluno do Poliedro com apoio da orientação educacional

Com muita dedicação, disciplina, organização e fazendo os ajustes necessários ao longo do percurso, é possível manter o foco para a realização desse grande objetivo que é ingressar em uma universidade. Nesse período, o apoio da família e da escola serão fundamentais.

Aprender a se organizar e a planejar a rotina será importante não somente nessa fase do pré-vestibular, mas ao longo de toda a vida.

Desejamos a todos os alunos um ótimo ano de estudo!

 

Monica Gaspar Neisser

Tatiane de Cássia Alberto Pereira

Psicólogas e orientadoras educacionais no Colégio Poliedro

 

Todos os projetos e exemplos mencionados neste blog referem-se às Unidades Sedes do Poliedro.