As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cultivar amizades ajuda a criança a crescer segura e feliz

Thais Gonzales

28 Dezembro 2017 | 10h28

Amizade faz muito bem em qualquer idade. Como é bom ter alguém para compartilhar a vida, comemorar alegrias, dividir dificuldades. Socializar e fazer amigos são aprendizados que começam na escola. É neste ambiente que começam as primeiras histórias de cumplicidade. Por isso, é importante zelar por seu cultivo.

Segundo a coordenadora Cristiane Fernandes, do Colégio Alicerce, por volta dos dois anos, a criança começa a aprender valores como a divisão, o convívio e suas limitações. A percepção de que é necessário dividir e colaborar, emprestar brinquedos, compartilhar alimentos e outras ‘regras’ de boa convivência podem ser conhecidas pelos pequenos na primeira fase de interação.

Boas amizades geradas no colégio podem incentivar o desenvolvimento da cooperação e do revezamento, além de evitar conflitos. Com isso, a criança aprende a lidar melhor com as próprias emoções.

“A escola é o dos melhores ambientes para desenvolver o sentimento de amizade. O aluno se prepara para o convívio em sociedade, percebe formas de interagir e aprender junto com os colegas. Começam a conviver com as diferenças e tudo isso é fundamental”, ressalta a coordenadora.


Ela explica que o “melhor amigo” pode ocorrer de duas formas. A primeira é simplesmente a afinidade: a criança busca alguém que goste das mesmas coisas que ela. A segunda é buscar por alguém que ajude a assegurar a permanência ou a entrada em um grupo social.

Nesse processo de construção de amizades, as famílias podem colaborar. “Primeiro os pais dos alunos precisam se conhecer, ganhar a confiança entre eles, estabelecer um vínculo de amizade e depois disso propor que seus filhos venham até as suas casas para brincar. Os adultos são espelhos, receber ou visitar amigos é muito bom”, acrescenta.

A amizade proporciona o apoio social, o compartilhamento de experiências, interesses, memórias, pensamentos, sentimentos e emoções. Incentive o seu filho e ajude ele no cultivo das amizades na infância.